Como investir em Fundos de Investimentos no Exterior?

Há uma gama de fundos de investimentos no Brasil que aplicam recursos no mercado exterior. Porém, a maioria é destinado a investidores qualificados. Afinal, quais são as opções de investimento no exterior para o público em geral?

Em nota: De acordo com a CVM 554/2015, investidor qualificado é a pessoa física ou jurídica que possui aplicações financeiras em valor igual ou superior a um milhão de reais. Também é considerado qualificado, os investidores profissionais e agentes autônomos.

Caso você não seja um investidor qualificado, abaixo indico algumas opções para quem deseja diversificar e investir em fundos de investimentos sem ter a necessidade de enviar os recursos para fora do país.

Western Asset US Index 500 FIM

O objetivo é buscar retornos superiores à variação do S&P 500 no médio e longo prazo. O fundo busca atingir o objetivo aplicando preponderantemente os seus recursos em títulos públicos do governo federal atrelados à SELIC, e, ao mesmo tempo, comprando contratos futuros do índice S&P500® negociados na B3. O fundo está disponível na XP.

A aplicação mínima é de R$25.000,00. A taxa de administração é 1% a.a. Não há taxa de performance. A aplicação e o resgate das cotas é D+0.

Western Asset US Index 500 Feeder FIC FIM

O objetivo é de superar o índice S&P500®. O Fundo compra contratos futuros do índice do mercado acionário americano, negociados na B3, e consegue superá-lo em função do diferencial de taxa de juros entre o Brasil e EUA. Está disponível na Órama.

A aplicação mínima também é de R$25.000,00. A taxa de administração máxima é de 1% a.a. Não há taxa de performance. A aplicação e o resgate das cotas é D+0. Ao que tudo indica, este fundo é bem semelhante ao primeiro, mas são distintos.

Western Asset FIA BDR NIVEL I

O Fundo busca o objetivo a longo prazo a valorização compatível com o mercado acionário americano, aplicando no mínimo 67% de sua carteira em BDRs de mercado norte-americano de ações. Está disponível na XP.

É preciso explicar que as BDRs são valores mobiliários emitidos no Brasil, que possuem lastro ativos, ações, emitidos no Exterior. Há dezenas de BDRs de ações americanas que são negociadas no Brasil, como Apple, GE, Amazon… Porém, a negociação delas são destinados apenas a investidores qualificados. Em contrapartida, o fundo é um meio para o público em geral investir nestes ativos.

Aplicação mínima é de R$25.000,00. A taxa de administração é de 1,5%. a.a. Não há taxa de performance. A data da aplicação é D+1. E o resgate é D+4.

Exploritas Alpha America Latina FIC FIM

O objetivo busca retornos de CDI + 6% a 8% ao ano no médio e longo prazos. O Fundo investe em uma carteira diversificada de ações da América Latina – incluindo México, Brasil, Argentina, Chile, Colômbia e Peru – com viés comprado, mas possui posições vendidas. Também compra títulos de dívida de empresas latinas negociados nos Estados Unidos ou Europa, além de oportunidades nos mercados de câmbio e juro real. Está disponível na Órama.

A aplicação mínima é de R$10.000,00. A taxa de administração é de 2% a.a. A taxa de performance é 20% do que exceder o CDI. A aplicação e o resgate das cotas é D+0.

Estas são apenas algumas opções de fundos investimentos destinados ao mercado exterior. Pode ter outros fundos com o mesmo objetivo em outras corretoras. Caso você conheça, pode deixar a sua opinião nos comentários.




– –

Deixe uma resposta